O CEP é o código de endereçamento postal, então ele serve para ajudar a localizar as ruas, casas, bairros, cidades e pessoas. Como sabemos, o nome de uma rua se repete em várias cidades, às vezes, inclusive, na mesma cidade tem duas ruas com o mesmo nome. Então, se não tivesse um outro código para identificar isso, se nos guiássemos só pelo nome da rua, seria uma tremenda confusão. 

Em 1971 foi criado no Brasil, pelos Correios, o CEP, que iniciou com 5 dígitos. Depois, por 1991/1992 ele passou a ter 8 dígitos, que é a formação que ele tem até os dias de hoje. A estrutura do número é formada da seguinte maneira: região é o primeiro número, sub-região é o segundo número, setor é o terceiro número, depois sub-setor e divisão dos sub-setores, e os três últimos números são mais específicos, como a unidade de correio que distribuirá o objeto ou a rua. 

Para você saber: o primeiro número do CEP da cidade de São Paulo e região metropolitana é 0. Já o Rio Grande do Sul, o primeiro número é 9. 

Resposta de Alexandre Nunes, do Sindicato dos trabalhadores dos Correios do Rio Grande do Sul.